Passar o cheque: o pesadelo de qualquer passivo. Seja marinheiro de primeira viagem ou bicha vivida, todos concordam que atolar o pau do parceiro na lama está longe de ser uma situação agradável.

Claro que acidentes acontecem e que, numa relação mais íntima, mais cedo ou mais tarde alguém vai pagar com o pré-datado quando for passivo. Porém, num primeiro encontro, não é fixe deixar a tua marca no boy. Pelo menos não esta marca.

A pensar em garantir um sexo anal sem medo, falaremos aqui da dieta do passivo atinado.

Como não é difícil de imaginar, o segredo está na alimentação. Existem alimentos maldosos, traidores, que acabam com a tua possibilidade de um rabinho limpo. Da mesma forma, algumas comidas ajudam no bom funcionamento do intestino.

Uma boa alimentação, além de fazer com que o teu intestino funcione super bem, diminui consideravelmente a produção de gazes desagradáveis, e o melhor de tudo, deixa-te magra, linda e com pele de seda chinesa.

Mas, antes de falarmos em rabinho limpo, vamos esclarecer dois princípios básicos:

#1. Gajo nenhum é mais importante do que a tua saúde

Não esqueças de que o teu corpo precisa de comida. Deixar de te alimentares bem, fazer jejum, passar fome no dia que antecede o encontro… estas são atitudes que não valem a pena! A tua saúde deve estar em primeiro lugar, sempre.

#2. A função do teu ânus é expelir fezes

Sim, antes de levar com ela, a função principal do teu ânus é servir como canal para a libertação das fezes. Por isso, é bom que tu e o teu parceiro estejam cientes de que “shit happens” e, se isso acontecer, não é nada mais do que a natureza humana a trabalhar normalmente.

Entendido, gata? Tendo isso em mente, agora sim vamos para as dicas do que comer para assegurar um sexo limpinho – e com corpo saudável, claro.

Fibra: o segredo da limpeza anal

Hoje em dia, todos que querem fazer uma reeducação alimentar só se focam em eliminar os carboidratos e entrar na dieta da proteína. Muito se fala em produtos lowcarb, no sugar, no gluten e por aí vai. Agora, se o teu objetivo é dar o cú, o melhor é começar a preocupares-te com nada mais, nada menos que… a fibra!

As fibras são carboidratos que o organismo não consegue digerir e, embora não forneçam energia, são essenciais para o ciclo de digestão. Elas existem de duas formas: as fibras solúveis e as insolúveis.

Que comer bastante fibra faz bem à saúde e para o bom funcionamento do intestino, isso já não é novidade para ninguém. Porém, quando o assunto é limpeza anal, ela tem um papel ainda mais importante.

Aqui porquê:

  • Dá fluidez às tuas fezes

As fibras solúveis absorvem a água e incham dentro do organismo, formando um gel. Essa mistura no estômago inibe a absorção de glicose e lípidos.

Além disso, elas são responsáveis por conservar um pouco de água e garantir que as fezes não fiquem secas, o que significa cagar com volume e fluidez. Por isso, pessoas que não consomem fibra suficiente estão sujeitas a sofrer de prisão de ventre, flatulência e hemorróidas.

São boas fontes de fibras solúveis:
Aveia, nozes, ervilhas e frutas como a maçã e banana

  • Dá forma às tuas fezes

As fibras insolúveis diferem-se das solúveis por não absorverem água. A função dessas fibras é acelerar o trabalho do intestino e aumentar o bolo fecal, evitando, assim, a prisão de ventre e constipação intestinal.

São boas fontes de fibras insolúveis:
Verduras, farelo de trigo, cereais, soja e grãos integrais

A dieta do passivo atinado

De acordo com especialistas, um homem deve comer de 30 a 38 gramas de fibra por dia. Adivinhas quanto a maioria come? Cho-quei: apenas 10 gramas.

Mas, tu como um gay atinado, serás a exceção desta estatística. Como?

Para conseguir ingerir essa quantidade adequada, é importante ter uma alimentação equilibrada e distribuir um pouco de fibra em cada refeição do dia.

Aqui um exemplo de plano diário recomendado (claro que podes substituir os ingredientes por aqueles similares da tua preferência):

No pequeno almoço: Uma chávena de farinha de aveia (4g) e uma fruta da tua preferência. Sugestão: uma pêra (4g)
Antes do almoço: come mais uma fruta. Sugestão: uma maçã grande (4,5g)
No almoço: Uma salada feita com folhas de alface (3g), folhas de rúcula (2g), e um tomate pequeno (1,4g)
No jantar: Meia chávena de espinafres cozidos (7g), três figos secos (10,5g) e uma batata doce de tamanho médio (6,8g)

Água, água e mais água.

A água é essencial na lubrificação dos intestinos. Aliás, sem ela as fibras não ficam humedecidas e podem, inclusive, piorar a prisão de ventre.

Sabe que fibra sem água é como preservativo sem lubrificante, entra de forma dolorosa!

Beber bastantes líquidos (pelo menos 2 litros todos os dias) colabora para que o organismo tenha um bom funcionamento. Até porque, como já deves ter aprendido na aula de ciências, o nosso corpo é constituído aproximadamente por 70% de água.

Alimentos amigos do cú limpo

Bagaço da laranja (parte branca)

Come bastante laranjas com bagaço. Não adianta só chupar a fruta ou beber o sumo. A maior quantidade das fibras da laranja está no bagaço. Por isso, tirando a casca e os caroços, deves comê-la inteirinha.

Abacaxi

O abacaxi também é ótimo no combate à prisão de ventre. Isto porque contém bromelina, substância que “irrita” a mucosa intestinal, estimulando os movimentos peristálticos (contrações involuntárias que empurram as fezes pelos intestinos até à sua expulsão).

Ameixa preta

Outra dica é a ameixa preta, que contém sorbitol – substância com efeito laxativo muito eficiente. Pode ser ingerida seca ou em calda.

Iogurte

Possui pH ácido, ajudando a digerir proteínas e gorduras. Os mais indicados são os fortificados com lactobacilos, bactérias fermentativas que auxiliam a digestão e absorção de nutrientes no intestino.

Alimentos inimigos do cú limpo

Carne Vermelha

Um jantar com carne vermelha até pode parecer ideal para uma noite romântica, mas não te enganes. Este alimento é gorduroso e faz com que o teu corpo foque as energias em digeri-lo.

Consequência: vais sentir-te cansado e com sono antes mesmo que o clima aqueça.

Pimenta

Adoras um bom caril e uma comida bem temperada? Aguenta os cavalos!

Não te armes em indiana e evita pimenta e temperos fortes que pioram as hemorróidas. Qualquer pimenta, principalmente a pimenta do reino, sai do jeito que entra. O organismo não tem capacidade de atuar quimicamente no alimento.

Feijão

Pelo amor que tens à tua reputação anal, não comas feijão se planeias dar no mesmo dia.

Apesar de ser fonte de fibra solúvel, o feijão possui uma “casquinha” externa e substâncias no seu interior que, dependendo da pessoa, podem não ser bem digeridas no estômago. Além disso, chegando ao intestino, ele serve de comida para bactérias, causando fermentação excessiva, gases e inchaço.

Couve

Mesmo sendo uma verdura, ela é a inimiga-mor de toda a chuca (higienização anal)!

Isto porque a couve é um vegetal cortadinho em tiras longas. Acontece que nós carnívoros não conseguimos mastigar as tiras inteiras. Resultado: a couve vai diretamente para o teu intestino, fica colada à parede dele, e nem a limpeza mais profunda do mundo consegue tirá-la de lá.

Milho

Super perigoso!

O milho tem uma capa de celulose em cada grãozinho e, por esse motivo, é ainda mais traidor que a couve. Se não mastigares bem, ele também vai diretamente para o teu canal retal, onde ficará escondidinho na dobrinha interna do teu cú, só a esperar a hora certa de te matar de vergonha!

Já imaginaste, depois do roça-roça, o boy perguntar-te se o cachorro estava bom?

Prudência, faxabor!

Adaptado de: Meu Boy Magia


Gostaste? Partilha com os teus amigos! Isso ajuda-nos a crescer (e quem é que não gosta de coisas grandes?)

128

Qual é a tua reação?

Oh My Cock! Oh My Cock!
7
Oh My Cock!
Não Gosto! Não Gosto!
0
Não Gosto!
WTF? WTF?
0
WTF?
Amo! Amo!
37
Amo!
Ahah! Ahah!
2
Ahah!
Fofo Fofo
4
Fofo
Like Like
20
Like
Oh My Cock!

0 Comments